Falando sobre energia

Falando sobre energia>> Outro dia estávamos falando sobre energia, então vamos adiante…
A energia em chinês chama se Qi (dependendo da região da China se pronuncia “Ki” ou “Chi”), e vem basicamente de três fontes diferentes:
Tanto do ar que respiramos, em chinês “Qing Qi”,
Quanto do alimento que comemos e bebemos chamada “Gu Qi”
Assim como de uma forma de energia chamada “Jing Qi” que é nossa energia ancestral, herdada dos nossos pais no momento da concepção.

Falando sobre energia – A energia dos pais

Se a energia dos pais estiver equilibrada e de boa qualidade no momento da concepção, o bebê se forma no útero e nasce com boa saúde, caso contrário podemos ter problemas na saúde…
Portanto, o Jing Qi é como uma pilha.
Ele alimenta o crescimento da criança e as transformações físicas que vão ocorrendo conosco durante nosso desenvolvimento.
Ademais, isso até que nos tornemos adultos.
O Jing Qi vai se desgastando e com isso vamos envelhecendo e por vezes adoecendo também.
Entretanto, chega o dia em que o Jing acaba e daí deixamos esse corpo e passamos pra próxima fase…
Contudo, essa forma de energia, essa “pilha” não é recarregável, se gastamos ela se acaba e a vida junto com ela.
Os excessos gastam essa energia tão importante:
Tanto o excesso de trabalho, quanto sexo, drogas, estresse, muitas gestações, má alimentação , pouco sono.
Enfim… tudo que já estamos carecas de saber que não é bom para a saúde.

Falando sobre energia – não podemos recarregar a pilha mas evitarmos que se descarregue

Não podemos recarregar essa pilha, mas podemos dar suporte à ela para que não se desgaste muito!
E nem é tão difícil… basta respirarmos bem, e nos alimentarmos de maneira saudável.
Assim sendo, práticas como yoga valorizam por demais a respiração, além de trabalharem com o nosso corpo também.
Aliás, a prática de exercícios físicos ajudam a manter o seu corpo forte e saudável com isso sua energia provavelmente também seguirá a mesma métrica.
Contudo, não necessariamente precisamos fazer yoga para respirar direito, basta nos atentarmos ao fato de respirar e tentar fazer respirações mais profundas, lentas e completas.

Alimentação é outro fator que nos ajuda a manter a nossa energia ancestral íntegra

Uma alimentação balanceada com produtos naturais e saudáveis nos ajuda a captar a energia dos alimentos.
Certamente, isso dá base de sustentação para nossa energia ancestral.
E assim, com ações simples como respirar bem e se alimentar bem (talvez essa não seja tão simples assim afinal um chocolate é alegria para alma!!!) sustentamos nossa energia ancestral.
Temos estudos profundos sobre a dietoterapia chinesa que nos ajuda a manter a saúde e curar as doenças…
mas isso fica pra uma outra vez!
Até breve amigos!!!




Deixe seu like e siga nossa Rede Social:
0

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *