Dedos parte 2 – Indicador – o dedo de Júpiter

Dedos parte 2 >> Hoje vamos conhecer uma pouco mais sobre os nossos dedos.

Portanto começaremos por aquele que é o termômetro das capacidades de liderança assim como ambição na vida: o indicador.

O dedo do Rei do Deuses, Júpiter!

Dedos parte 2 - Indicador – o dedo de Júpiter
Dedos parte 2 – Indicador – o dedo de Júpiter

Entretanto, antes de escabichar as características jupterianas que cada mão possui, precisamos compreender o significado das falanges.

Dedos parte 2 – Indicador – o dedo de Júpiter

Nossos dedos – com exceção do polegar que será esmiuçado em outro artigo – possuem três falanges

A falangeta (falange das unhas), corresponde tanto ao mundo mental quanto ao espiritual.

Ademais, remete ao plano da intuição, da teoria, e também da abstração.

A falanginha, do meio, representa o mundo prático-mental.

Conquanto ela faz o meio de campo entre o espiritual e o material.

Em outros termos, ela analisa como os ideais podem ganhar forma.

A terceira e última falange representa o mundo material, além de  como lidamos com ele.

Dedos parte 2 – Indicador -tamanho e robustez

O tamanho, a robustez e os sinais de cada falange, indicarão quais dos três mundos irão exercer uma maior influência nos assuntos de cada planeta.

Assim como também indicarão tanto as potencialidades quanto as fragilidades relacionadas a cada dedo.

O tamanho de cada falange

A falangeta corresponde a 25% do tamanho total do dedo; a falanginha, 35%; já a falange abarca 40%.

Exemplificando: se um dos seus dedos possuir 10cm, com a primeira falange tendo 2,5cm, a segunda 3,5cm e a terceira 4cm, decerto terá os três mundos em pleno equilíbrio.

No enanto, se uma falange possuir uma medida maior que as mencionadas, então haverá mais energia daquela esfera em sua vida.

Por outro lado, se for uma medida menor, o resultado é o oposto.

Isso quer significar pouca influência, além de dificuldades com o campo em questão.

Entendendo as funções de cada uma dessas turmas, poderemos compreender melhor a administração das atividades planetárias de cada pessoa.

Dedos parte 2 – Indicador – Voltando ao mundo do rei dos deuses..

Júpiter é tanto o líder, quanto o ambicioso, o egoísta, o comandante, o político, o sacerdote.

Assim sendo, indica a capacidade de realizações que pessoa pode alcançar.

Se, comparado ao dedo anelar, o indicador for maior, a capacidade da pessoa estará mais no mundo material que artístico.

E, se além de ser maior que o anelar, alcançar também o tamanho do dedo médio, poderemos ter um déspota.
A primeira falange longa intensifica as emoções e o campo sensitivo da pessoa.
Ela pode restringir um indivíduo a agir apenas no mental, em contrapartida, favorece a espiritualidade e o psiquismo.
A segunda falange longa não faz necessariamente um grande líder, contudo, favorece aos trabalhos práticos em uma religião, na política, numa empresa ou no exército.
Um alguém que serve bem à sociedade.
A terceira falange longa forma o orgulhoso, egoísta e autocrata.
Essa pessoa coloca sua ambição ao serviço do mundo material e da ostentação.
Se ela ainda for larga, confere autoindulgência.
Linhas verticais são sinais positivos, mostram fluidez das energias, já as horizontais, bloqueios.

Dedos parte 2 - Indicador – o dedo de Júpiter
Dedos parte 2 – Indicador – o dedo de Júpiter

Se o dedo indicador se afastar dos demais, o portador terá espírito de independência e liderança, porém, pode se tornar excessivamente individualista.



Deixe seu like e siga nossa Rede Social:
0

Thiago Paulice

Sou Thiago Paulice, formado em comunicação social, radialista e músico. Sou bruxo há 10 anos, sacerdote de Wicca da Tradição Eleusiana, onde dedico meu culto especialmente à deusa Afrodite e ao elemento água. Também dedico boa parte da minha vida mágica ao estudo da quiromancia e quirologia. contato via Facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *