Previsões: A Virada do Ano Civil e a Tônica de 2019

Previsões: Final de 18 e início de 2019

Na Virada, a Lua Minguante

Acontece hoje a Lua Minguante da Lunação de Sagitário. Com a Lua em quadratura com o Sol em Capricórnio, às 07h34.

O período se estende para a passagem do Ano, mas, aí já com a Lua em Escorpião.

Esta fase é caracterizada por um maior recolhimento da energia. Porque, com a Lua perdendo força e luz no mundo exterior, passa a iluminar o vasto território do interior de nossa psique.

Nada mais cresce do que foi plantado anteriormente. Os frutos – se vingaram, já foram colhidos. Agora toda a força é canalizada para as raízes.

É de toda forma, interessante rebater determinadas ideias que circulam pela rede: não é a primeira vez que a passagem do Ano Novo profano se dá nesta fase lunar.

Como Fazer Seus Pedidos

O fato é que não significa que devemos “pedir tudo ao contrário”. O que é uma contradição lógica e neurolinguística.

Sabe-se hoje que nosso cérebro não registra o “não”  assim. Se pedirmos para “não ter escassez”, por exemplo, o que fica registrado é “escassez “.

Portanto, podemos desejar todas as boas coisas que queiramos e compartilha-las com os demais.

Afinal, o que torna a virada tão importante do ponto de vista astrológico, é justamente esta vontade de renovação. Que se espalha pelo inconsciente coletivo e não a data em si que pertence ao ano novo civil.

Porque para nós o que realmente é válido é o ano novo que tem início em 20/03. Com a entrada do Sol no signo de Áries, que marca a chegada da primavera.

Sobre Limpeza e Banimento

Feitas estas ressalvas, devemos sim, fazer os processos de limpeza daquilo que já não nos serve mais. “Banir” o que já caducou.

Soltar, deixar ir, o que não faz mais sentido. Com a Lua no signo de Escorpião, que tem em si uma conotação semelhante.

Pois, sem levar peso desnecessário, estaremos mais leves para transmutar o que restou. Já que limpar precede a transmutação de nossos valores e desejos.

Isto é, nem tudo deve ser varrido. Que Escorpião faça o refinamento e os ajustes correspondentes àquilo que queremos manter. Mas que ainda necessite de uma intensa purificação e apuração através do caldeirão e do caldinho alquimicos deste signo.

Ano de Marte?

Embora não seja consenso entre os astrólogos a vinculação de um ano a um determinado planeta. O fato é que esta prática vem se confirmando como aceitável pelos dados aos quais temos observado.

E, não é aleatoriamente que são designados, são dispostos segundo a ordem caldaica.

Marte em Áries na Virada

Não por acaso, Marte inicia 2019, atravessando a fronteira de Peixes para Áries. O signo de todos os inícios. E a Lua estará em Escorpião, segundo signo sob sua regência.

Por outro lado, Plutão, co-regente de Escorpião, está em Capricórnio, signo onde Marte recebe exaltação.

E, como veremos adiante, o eixo Câncer/Capricórnio estará em evidência por todo o ano. Desde sua primeira Lunação.

Marte, como todos os planetas têm aspectos positivos e negativos. Depende da capacidade humana de lidar com o mais quente e seco dos planetas.

Entre suas virtudes estão a coragem, a iniciativa, a independência e a capacidade de liderança.

De outro, estão os malefícios causados pela temeridade, pela intempestividade, pela infantilidade na pressa por resultados. E a falta de paciência para manter o foco, a agressividade e a violência.

A Lei da Ação e Reação

Marte é ação, por isso está tão relacionado ao plano astral. No qual ação e reação, constituem a Lei do Karma. E, exatamente por isto, que a maturidade de cada um e da coletividade, atuarão positiva ou negativamente.

Isto não é válido apenas para os arianos e escorpianos. Decerto todos temos este planeta e estes signos em algum lugar de nossos mapas. E é nas casas que estiverem é que se sentirá os maiores impactos.

O fato de Marte estar associado à agressividade fará com que muitos acreditem em conflitos bélicos mundiais.

Mas, é muito pouco provável que isto aconteça. Porque os interesses hoje estão evidenciados no comércio e finanças. Portanto, o tipo de dominação será por estes meios.

Marte abre o ano em Áries e o fecha em Escorpião. Como todo ano, começa com Sol em Capricórnio e Ascendente Libra (para os países próximos ao Equador).

Os Relacionamentos

As relações humanas em geral, e também aquelas mais próximas, precisam estar assentadas em estruturas fortes para se manterem firmes.

A Temporada de Eclipses está Aberta

Já na primeira Lunação do ano de 2019, estaremos inaugurando a temporada de eclipses no eixo Câncer/Capricórnio.

Será um eclipse solar parcial, porque a proximidade com os Nodos é menor. (Sol e Lua em conjunção, Luas Novas).

Há um certo receio coletivo com relação aos eclipses. Porém, devemos ter em mente que eles ocorrem de 4 a 5 vezes todos os anos. E sequer sentimos o acontecimento.

Para que alguma coisa ocorra (boa ou ruim), é necessário uma série de fatores. Primeiro, os setores do mapa natal em que caírem. Quanto mais próximos aos ângulos, maior a intensidade.

Se caírem muito próximos a um planeta pessoal, por exemplo, também é significativo.

O que há, então, de especial para este ano? O certo é que a Lua e o Sol, fatores mais importantes no nosso mapa sempre estão relacionados em todos os ciclos de Lunação.

A Lua: o Humor, as Emoções e a Memória

E a Lua afeta mais imediata e profundamente as emoções e percepções das pessoas.

Segundo o eixo Câncer/Capricórnio, estarão sempre envolvidos nos eclipses deste ano. Uma vez que é ali que estão transitando os Nodos Lunares.

Quanto mais próximos a eles, maior a potência dos eclipses.

Saturno e Plutão em Capricórnio

Temos ainda que Saturno e Plutão estão em Capricórnio. Logo, as experiências estão arquetipicamente relacionadas às nossas bases mais profundas. Da família pessoal à todos os nossos antepassados. De onde viemos (Câncer) até o topo da montanha. O zênite, o local mais alto do mapa, o Meio do Céu. Da nossa vida profissional até a espiritual (Capricórnio).

Outro fator, que diz mais respeito a Astrologia Mundial, é a região do planeta onde a zona de sombra do eclipse vai passar.

Novamente não vale apenas para os que tem Sol, Lua ou Ascendente nestes signos. Todos temos estes signos em algum lugar. E a Lua atinge o humor coletivo, indistintamente.

Portanto, será um ano em que será exigido de todos nós maturidade e vontade de evoluir. Cuidar de nossas bases e nos orientar para aquilo que desejamos alcançar verdadeiramente.

Com a consciência em plenitude, fazermos nossas escolhas. Assim, quando houver o obscurecimento da Luz exterior, a nossa centelha divina estará reluzindo mais do que nunca.




Deixe seu like e siga nossa Rede Social:
0

Virginia Liz Soares

Comecei meu caminho na vida acadêmica, como quase todas as pessoas. Mas, logo, senti o chamado de minha verdadeira vocação: trabalho há 30 anos com a Astrologia como função central, porém, paralelamente, fui incorporando várias atividades que se conectam organicamente, a esta. São atividades como terapeuta holística que foram alimentando e se agregando a esta atividade central. FACEBOOK / GOOGLE / YOUTUBE / virginealizs@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *