As Fases da Lua

As Fases da Lua:

Na astrologia a Lua é o astro no mapa natal que fala das nossas emoções, de como somos afetados e como afetamos em todos os sentidos. E como não ser afetado pela Lua? Ela mexe com o nosso imaginário desde a antiguidade. Olhar para Lua plena e cheia nos enche de energia. Já na Lua minguante, já vem um quê de nostalgia, de saudade.

Isso acontece porque cada fase da lua nos revela um tipo de energia.

Um ciclo completo da Lua é chamado de lunação. Este ciclo vai do primeiro dia da Lua Nova até o último dia da Lua Minguante.
A cada dia, a partir da Lua Nova, este astro que nos fascina vai recebendo cada vez mais luz do Sol até o dia da Lua Cheia, que é o dia em que a Lua está com 100% de luminosidade. Deste dia em diante a Lua começa a receber cada vez menos luz solar até que ela vai ficar completamente escura. E assim se encerra uma lunação e começa uma outra.

Então vamos ao que representa cada fase.

• Lua Nova ( de 0° a 44°59’) – Nascimento, começos, clareza.

Nesta fase acontece o encontro do sol com a lua. Eles estão no mesmo signo do zodíaco. É uma lua de começos, início de ciclo. Traz consigo a energia da renovação. Sentimos essa energia com o estímulo para iniciar projetos. Também pode trazer ansiedade. Nesta fase é o momento de dar o primeiro passo. Aqui agimos com espontaneidade, os ideias estão surgindo. Nos sentimos leves, como que após uma boa noite de sono.

• Lua Emergente ( de 45° a 89°59’) – Expansão, crescimento, oportunidade, luta.

Neste período estamos dispostos a colocar nossos projetos para fora. Aqui vale a persistência, o desejo de continuar e seguir em frente. Usar a intuição e imaginação na superação de obstáculos, acreditar em si e nos seus ideais. Assim como a Lua começa a ter forma, assim é com o que pensamos na fase anterior.

• Lua Crescente (de 90° a 134°59’) – Mudança, ação, aproveitar o dia, expressão.

Aqui a Lua forma um ângulo de 90° com o sol. Em astrologuês, Lua e Sol estão em quadratura. Esse aspecto traz desafios e obstáculos que vem para nos manter em marcha rumo ao nosso projeto, pois trazem a oportunidade de encarar as dificuldades do caminho e definir estratégias para superá-las. Estamos mais realistas que idealistas. É a fase entre o surgimento da ideia (lua nova) e a culminação dela (lua cheia). É o meio do caminho.

• Lua Gibosa ( de 135° a 179°59’) – Consolidar ganhos, analisar, preparar, confiar.

Faltam poucos dias para chegar na fase cheia da Lua e aqui podemos ver com mais clareza para onde estamos indo. A Lua está cada vez mais iluminada pelo Sol e assim é com os nossos projetos. Está fase propicia esta análise para os devidos ajustes. Oportunidade de aprimoramento. A Lua está generosa e com isso ajudas acontecem.

• Lua Cheia ( de 180° a 224°59’) – Iluminação, realização, experiência, culminação.

Assim como o brilho da Lua, tudo nestes dias é intenso. Nosso humor se altera mais facilmente, se não estamos satisfeitos, logo mostramos nossa insatisfação. Tudo aqui está aparente, A Lua chegou no seu auge. Aqui é fácil perceber se chegamos onde queríamos, se as coisas estão boas ao não. Período de mais consciência. Fala de experiências, iluminação e realização. Tudo está com força máxima, estamos mais intensos, entusiasmados e inquietos.

• Lua Disseminadora ( de 225° a 269°59’) – Semear, distribuir, ensinar, compartilhar.

Após o auge da Lua Cheia e toda experiência adquirida no processo, é hora de compartilhar. Distribuir o que foi conquistado ou falar sobre o que não deu certo. O importante aqui é a comunicação. Divulgar suas conquistas. Trocar experiências, falar de sentimentos, é um momento de dispersão da energia. Estamos caminhando para a minguante e não podemos acumular e reter tudo adquirido na fase anterior.

• Lua Minguante ( de 270° a 314°59’) – Verificação, revisão, integração, limpeza.

Neste ponto da jornada, nos sentimos com mais vontade de olhar para dentro. Assim como na Lua Crescente é o período de absorver e procurar fora, aqui é o momento de olharmos para dentro. É uma fase de avaliação e análise. O que estamos colhendo? O que plantamos? Hora de deixar o barulho do mundo externo e se escutar, nestes dias estamos mais propensos a insights.

• Lua Balsâmica ( de 315° a 359°59’) – Preparação, fechamento, incubação, transformação, renovação, pureza.

Essa é a última fase da Lua antes de recomeçar seu ciclo na próxima lunação. Depois de todo agito e hora de se acalmar. O próprio nome desta Lua, que tem origem na palavra “bálsamo”, já diz como ela nos ajuda. Tudo é transitório e a percepção de podemos recomeçar é reconfortante. Momento de se permitir descansar e recuperar para a próxima jornada.




Deixe seu like e siga nossa Rede Social:
0

Lenira Nitz Henke Lascasas

Lenira Lascasas - terapeuta Fogo Sagrado Alinhamento Energético, astróloga, taróloga e numeróloga. Sempre tive a sensação que éramos muito mais que nascer, crescer, trabalhar e um dia deixar de existir. Iniciei meus estudos de astrologia em 2002 e um mundo novo se abriu, o do autoconhecimento. Dali em diante segui a jornada através do tarô e da numerologia, entre outros até chegar no alinhamento energético Hoje sou terapeuta de Alinhamento Energético. Técnica linda que nos dá compreensão e conscientização de nossas emoções, trazendo harmonia e equilíbrio no nosso dia a dia. Contatos: Whatsapp: (21) 99806-6646 Email: leniralascasas@gmail.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *