Shao Yong e a tradição oracular do Yi Jing

Shao Yong e a tradição oracular do Yi Jing

O Yi Jing abrange um complexo de conhecimentos. É a raiz do Taoísmo e do Confucionismo e,  por esse motivo, deu origem a várias escolas de oráculos, filosofia, meditação, estratégia, medicina, artes marciais, meio ambiente e alquimia. Decerto,  o Yi Jing abrange diversas tradições e escolas com diferentes características, influenciadas pela sua época e pelos seus Mestres.

Das várias tradições de consulta ao Yi Jing

Na linhagem oracular do Yi Jing, surgiram diversas tradições, com diferentes recursos de interpretação e formas de consultas. Com o passar do tempo, algumas dessas escolas de consolidaram, outras se perderam. Os dois métodos mais conhecidos de consulta é o uso  das varetas, feitas  do caule de mileófilo, e o jogo com moedas, que certamente se tornou a forma mais popular de consulta o Yi Jing.

A vida de Shao Yong

Entretanto,  a  consulta ao Yi Jing se tornou ainda mais simplificada com o surgimento do método da Flor de Ameixeira (Mei Hua Yi Shu Yi).  Criado por Shao Yong (1011 – 1077), que viveu no período da dinastia Sòng do Norte. Ele era filósofo, poeta e alquimista e inegavelmente foi um dos maiores mestres de Yi Jing depois de Confúcio. Historiadores da filosofia chinesa se referem a ele como um dos “Cinco Mestres da dinastia Sòng”.

Shao Yong viveu retirado durante longos anos no alto do Monte Su-Men, acima de um lugar denominado Fonte Centenária, Bai Yuan. Por isso, a escola fundada por seus discípulos chama-se Ramificação da Fonte Centenária, Bai Yuan Pai. Shao Yong deixou uma obra avançada de Yi Jing chamada O Universo Meridional da Polaridade Real, Huangji jingshi e uma obra de poesia mística.

Os ensinamentos de Shao Yong sobre o Yi Jing

Os ensinamentos deixados por Shao Yong  podem ser aplicados tanto na análise dos fatos do cotidiano quanto na postura correta para utilização do oráculo do Yi Jing. Ele observou por exemplo, que podemos lidar com as coisas como elas são, se não impusermos nosso ego a elas.

As previsões de Shao Yong eram infalivelmente exatas. Por causa disso, sua reputação espalhou-se pelo país. Ele era famoso por usar cada sinal como um presságio: sons, palavras, cores, objetos, pássaros e animais em geral. Se alguém o procurava pedindo uma adivinhação, Shao Yong já sabia o que viria antes que a pessoa dissesse qualquer coisa. Ele usava também a Flor de Ameixeira para prever a ascensão e a queda das dinastias. Por esse motivo, em várias ocasiões, o imperador pediu-lhe que trabalhasse na corte, mas ele recusou.

Shao Yong escreveu muitos livros sobre o Yi Jing, contudo, assim como outros antigos estudiosos, ele não revelou os segredos dos cálculos. A verdade foi passada para alguns poucos através de ensinamento oral. Shao Yong influenciou na criação de vários métodos de previsão de eventos futuros. Esses métodos  privilegiavam o Yi Jing  na linhagem oracular, enfatizando a interpretação intuitiva e direta dos Hexagramas.

O Método Flor de Ameixeira

O Cálculo do Método Flor de Ameixeira não utiliza moedas nem varetas de milefólio. O método emprega apenas números. Em geral, Shao Yong usava os números da data e do horário do evento para compor os Trigramas. Evidentemente sempre de acordo com a sequência do Céu Anterior.

Portanto, para quem só conhece o Yi Jing em livro, o método dinâmico da Flor de Ameixeira e suas possibilidades de interpretação oracular são surpreendentes. A resposta é obtida através de uma fórmula matemática e trabalha com três Hexagramas em conjunto. Esses três Hexagramas representam a situação atual, a dinâmica e a perspectiva futura. A interpretação relaciona análises diversas tais como simbolismo dos Trigramas, significado dos Hexagramas, dinâmica energética dos Cinco Movimentos. Conta também com  dados astrológicos dos Troncos Celestes e Ramos Terrestres. Além disso, considera os sinais do cotidiano. Dessa maneira, todos esses elementos fornecem um rico quadro  sobre a pergunta com perspectivas de interpretação e abordagem que vão além das respostas dos textos clássicos.

A Tradição do Método Flor de Ameixeira é originada de um sistema de Yi Jing taoísta chamado “O Estilo do Yi Jing do Céu Anterior”.

O  Yi Jing precisa da mudança e da transformação

No 15° dia da 12ª lua do Ano do Dragão, por volta das seis horas da manhã, Shao Yong estava meditando vendo o pé de flor de ameixeira através da sua janela.

De repente, dois pardais caíram da árvore, mortos. Então, Shao Yong disse para si próprio:

“Sem movimento, nem adivinhação
Nada acontece, não se deve desvendar
Enquanto isso, dois pardais caíram da árvore,
Algo acontecer”.

Na ilustração temos a mandala do Shao Yong feita a partir dos ensinamentos de Fu Xi, obedecendo a ordem do Céu Anterior. Essa sequência baseia-se na ordem numerológica.

Por isso, começa pelo Hexagrama Kun – Abrangência (Terra sobre Terra)  e termina com o Hexagrama Qián  – Criativo (Céu sobre Céu).



Deixe seu like e siga nossa Rede Social:
0

Telma Bonniau

Sou taoísta, consultora de I Ching, Zi Wei Dou Shu, BaZi, Feng Shui, estudo acupuntura, pratico Caligrafia Chinesa, Tai Chi, Qi Gong e Ikebana. Gosto de viver a vida, na companhia dos meus amigos e dos meus livros e curtir a energia da natureza. tbonniau@yahoo.com.br Publico meus artigos aqui e também na minha página no Facebook, Conhecendo o Zi Wei Dou Shu e as artes taoístas https://www.facebook.com/ConhecendoOZiWeiDouShu/. WhatsApp: 21-998950391

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *